Acidentes com o portão no condomínio: quem é o responsável?

Acidente com o portão
Acidentes com o portão da garagem são de responsabilidade do condômino ou devem ser cobrados do edifício?Incidentes e batidas acontecem e é importante que os casos sejam analisados individualmente, já que suas particularidades podem levar a diferentes soluções.

Acidentes com o portão: identificando a responsabilidade

Quando um carro é danificado na garagem, por exemplo, existem dois possíveis cenários:

– Caso haja manobrista e seja possível comprovar através de gravações que o acidente aconteceu dentro do condomínio e por algum descuido do profissional ou outra eventualidade é possível pedir indenização para o empreendimento.

– Por outro lado, quando a responsabilidade é do condômino ou de terceiros, a pessoa que motivou o incidente deve ser responsabilidade, ressarcindo os danos ao condomínio, inclusive.

E quando o portão fecha em cima de um automóvel, o que fazer?

Considerando que a manutenção do equipamento precisa estar em dia, o seguro do portão deve arcar com os custos do conserto – do equipamento e do carro. Se, entretanto, foi o porteiro quem por descuido causou o incidente, cabe ao morador entrar em contato com o condomínio para que esse possa arcar com os custos do conserto ou acionar o seguro, caso o tenha.
Por fim, se o acidente com o portão ocorre por irresponsabilidade do motorista, como por exemplo em uma situação em que ele aproveita a passagem de outro carro, cabe ao mesmo se responsabilizar pelos danos causados, tanto ao seu próprio veículo, quanto ao do portão.

Não há comentários, Seja o primeiro!

Seu endereço de e-mail não será publicado.